Em sonho

Sonhei que chorava.

Chorava muito.

Deve ser porque na realidade não tenho chorado NADA.

Não é que falta vontade, acho que falta só a lágrima mesmo.

Sonhei que desabafava e chorava.

Sonhei que as pessoas me entendiam e não julgavam.

Sonhei que estava na sala do coordenador do curso.

Cê acredita?

Quem sabe o Sonho não se torne realidade?

Quem sabe o choro realmente não cure e acalme a alma?

Quem sabe um colo amigo não concerta tudo?

Quem sabe Deus não acalma meu espírito e me cura dessa dor?

Quem sabe…

Anúncios

Angústia

Sinto uma angústia.

Fico forçando a mandíbula, com uma raiva inexplicável.

Uma vontade muito forte de sair do estado que me encontro.

É como se eu estivesse preso e não pudesse escapar.

Sei que estou livre, mas mesmo assim eu não consigo fugir.

Não quero falar com ninguém.

Me afasto da minha namorada.

Me afasto dos meus pais.

Tranco a porta pra dormir e ninguém me acordar pra ir a aula.

Fico no celular, vejo instagram e jogo alguns games.

Vejo filmes e séries pra anestesiar a minha mente e impossibilitar qualquer pessoa de me ajudar.

Inclusive eu mesmo.

É como se eu não tivesse foco ou propósito nenhum.

Mas eu Tenho.

Sei que tenho…

Quero me formar.

Quero um estágio.

Quero conhecer mais Jesus pela biblia e por ações.

Quero ser um bom filho um bom irmão e bom namorado.

E me culpo quando algo sai errado ou quando me cobram com razão.

Por não arrumar o quarto, lavar a louça, ou varrer a sala, por não tomar banho, por não escovar os dentes, por não ir a aula, por tudo…

Parece as vezes que minha mente esta encarcerada, enganada ou iludida, não sei explicar…

Tenho preguiça de fazer qualquer esporte também.

Mas ao mesmo tempo gosto muito deles.

Enfim, minha vida é “perfeita”! Sei que basta apenas um esforço maior pra ir a aula, ou pra a fazer um esporte, ou pra ler um livro.

Mas as vezes eu não consigo…

E não quero que ninguém me ajude.

Já tive pensamentos suicidas.

Mas eu abomino isso.

Então rejeito sempre que os tenho.

Mas apenas verem eles passarem pelo meu pensamento é ruim…

Não queria nem tê-los.

Apesar de que sempre fui uma criança curiosa e sempre pensei como seria pular da janela.

Sem nenhum sentimento ruim.

Acho que só a curiosidade de voar mesmo.